INVICTÓRIA: os 8 passos fundamentais da conquista do Leão

"Somos torcedores de grande valor, somos rubro-negro, não temos temor
estamos contigo em qualquer lugar, pois temos conquistas na terra e no mar"


FIM DA PESCARIA! O hino que melhor nos representa ditou a campanha do Leão em 2017. O Vitória venceu o Campeonato Baiano 2017, o 29º da sua história, o quarto invicto e é BI CAMPEÃO ESTADUAL!


Confira abaixo 8 passos fundamentais para mais uma conquista do Leão:


1 - Campanha de Campeão


EC Vitória/Divulgação
EC Vitória/Divulgação

Atletas e comissão técnica do Vitória comemoram o título


Não dá para negar o fraco nível técnico do campeonato baiano. Com equipes cada vez mais fragilizadas, o Leão não tomou conhecimento e fez a melhor campanha de todos os campeões estaduais em 2017. Foram 14 jogos com 11 vitórias, 3 empates 34 gols a favor e 6 sofridos. O Vitória fez gols em todas as equipes da competição. A campanha foi responsável direta pelo titulo. Foi através dela que o Vitória conquistou o direito de jogar por dois resultados iguais na final e se sagrou Campeão Baiano de 2017.


2 - O Artilheiro da toca


GIULIANO GOMES/Gazeta Press
GIULIANO GOMES/Gazeta Press

André Lima foi o artilheiro do Campeonato Baiano 2017


André Lima foi contratado no final de janeiro para a sua segunda passagem pela Toca. Na primeira vez que esteve aqui, em 2013, sofreu uma lesão que o impediu de jogar praticamente todo o contrato. Prometeu voltar com gols. E ele voltou sendo artilheiro do Campeonato Baiano 2017, com 7 gols em 10 partidas. O centroavante decidiu partidas importantes como o empate no finalzinho contra o Conquista pelas semifinais do baiano.


3 - A boa fase do capitão


Edson Ruiz/Coofiav/Gazeta Press
Edson Ruiz/Coofiav/Gazeta Press

O capitão foi o dono do meio campo do Leão no Campeonato Baiano 2017


Contratado em janeiro de 2016 por empréstimo, Willian Farias abocanhou a camisa 5 rubro negra e não largou mais. Dono do meio campo do Leão, o jogador caiu nas graças da torcida e foi um dos responsáveis diretos pela permanência do Leão na Série A em 2017 junto com Marinho. Nesse primeiro semestre, Farias continua apresentando bom futebol e liderou a equipe para o BI CAMPEONATO.


4 - A válvula de escape


Edson Ruiz/Coofiav/Gazeta Press
Edson Ruiz/Coofiav/Gazeta Press

Revelado pelo clube, David é uma das grandes esperanças para o ano


Único a demonstrar o mínimo de talento individual pelas pontas, David foi a válvula de escape do Leão no Campeonato Baiano. Dono de boa velocidade e bons dribles, o atacante serviu companheiros e fez até golaços. Mas a finalização não é o forte do jovem atacante de 21 anos. O jogador perdeu gols importantes em partidas decisivas contra o rival e o Conquista. Cabe a direção trabalhar a cabeça do garoto e lançá-lo aos poucos no difícil Campeonato Brasileiro.


5 - O Argelismo


EDSON RUIZ/Coofiav/Gazeta Press
EDSON RUIZ/Coofiav/Gazeta Press

Argel foi o grande líder durante a campanha do estadual


Sou um dos maiores criticos do futebol do Vitória na "Era Argel". O 'Argelismo' nos proporcionou momentos de aflição contra equipes fraquíssimas do interior. Mas, diante do nível do Campeonato Baiano, o 'Argelismo' foi soberano e responsável direto pela conquista da vantagem nas finais do Baiano que deu o titulo ao Vitória.


6 - Wesley Carvalho


Maurícia da Matta / EC Vitória
Maurícia da Matta / EC Vitória

Wesley Carvalho comandou os times nas finais 


Funcionário do clube desde 2008, Wesley é assistente técnico e fez parte da equipe de Argel durante todo o campeonato. Com a demissão do treinador gaúcho e a desconfiança da torcida após a eliminação da Copa do Nordeste, Wesley assumiu a 'bronca' nas finais e levou o Leão ao titulo. O treinador interino foi responsável direto pela mudança de postura da equipe no segundo tempo da primeira partida, quando o Vitória voltou melhor e empatou o jogo. O resultado permitiu que a equipe jogasse pelo empate na segunda partida e conquistasse o titulo. Com a chegada do novo treinador, deve voltar ao cargo de interino.


7 - Sinval Vieira e o departamento de futebol


Com o fim de 2016, o Leão dispensou 26 jogadores e perdeu Marinho, sua principal referência em campo, logo no início do ano. Com isso, Sinval e equipe tiveram que montar um time quase do 'zero' em pouco mais de 45 dias após a eleição. Nos tempos de radialista, Sinval defendia que a equipe da temporada teria que ser montada logo no começo. Atuante como Diretor de Futebol, cumpriu a promessa e trouxe jogadores capazes de assumir a titularidade da equipe.

*Deixo claro que o elenco do Vitória hoje, 08/05, precisa de pelo menos 8 jogadores para o restante da temporada. Sinval terá muito trabalho pela frente. O comentário aqui se refere apenas à qualidade do time que disputou o Campeonato Baiano 2017.


8 - Que torcida é essa, 'mermão'?


Maurícia da Matta / EC Vitória
Maurícia da Matta / EC Vitória

Mais de 30 mil torcedores lotaram o Barradão na final


Fanática, indescritível, apaixonada. Quando o time mais precisou, a torcida deixou a desconfiança e lotou o Santuário na final do Campeonato Baiano, batendo o recorde de público na competição. Mais de 30 mil rubro-negros empurraram o Vitória para o seu 29º título baiano. Que a festa possa ser completa no Campeonato Brasileiro com a presença das duas torcidas nos estádios.


Agora é esperar o Campeonato Brasileiro Série A que começa já na semana que vem! Há muito trabalho pela frente.


Ao amigo tricolor, sei que você viu o jogo, mas gostaria que você VICE DE NOVO!


SRN!


Me siga no twitter!