Maior comprador do mercado espanhol, Sevilla empolga torcida

Sevilla FC, site oficial
Sevilla FC, site oficial

O andaluz Nolito se apresenta, sorridente: Sevilla monta elenco empolgante


Ninguém gastou mais que o Sevilla, na Espanha, até este momento da janela. Com as confirmações do zagueiro dinamarquês Kjaer e do meia espanhol Jesús Navas, já são 7 as contratações para a temporada 17-18, sendo mais de 60 milhões de euros gastos. A torcida está muito empolgada e tem razões para isso.


Esperava-se que, com a saída de Monchi, algumas mudanças acontecessem. Havia uma certa insegurança. Entretanto, Oscar Arias, com sua política de contratações, está convencendo o torcedor. Como o próprio garante, o Sevilla agora vai a por las primeras opciones


Com Monchi, o Sevilla tinha um outro perfil de contratações: caso a opção A, a desejada, demorasse um pouco, a opção B era escolhida. Na verdade, foi assim que vários jogadores históricos acabaram surgindo. Dizem que Kanouté foi uma opção B... Enfim. 


O fato é que o Sevilla de Oscar Arias impressiona. É claro que o clube tem uma saúde financeira invejável e indiscutível e nisso seria igual ter Arias ou Monchi. Mas o perfil de contratações chama a atenção.


Os retornos de Navas e Banega estão sendo extremamente celebrados pela torcida. São jogadores aptos a render desde o minuto 0, sem necessidade de adaptação. Além disso, ambos são muito identificados com o clube. São ídolos. Navas é campeão do mundo, um jogador extremamente mal compreendido na Inglaterra. Dentro do seu estilo de jogo, um jogador absolutamente único. Banega idem, praticamente impossível encontrar alguém melhor por 9 milhões de euros.


Muriel, Corchia, Guido Pizarro e Nolito trazem uma profundidade ao elenco impressionante. Este Sevilla, diferentemente dos últimos, não sofreu um desmanche. Só saíram Vitolo e Iborra, dentre os principais. Vitolo não tinha clima algum para seguir, depois de tudo que aconteceu. Iborra é um jogador importante, mas substituível.


Este Sevilla empolga muito. E ainda vem mais por aí. Fala-se demais em Bacca e Jovetic, além de um lateral-esquerdo (Arana ou Tagliafico). 


Com um elenco extremamente experimentado, profissional e identificado com o clube, é um Sevilla realmente empolgante. O Sevilla de Berizzo, Banega, Navas, Ganso e cia... Sensacional. O torcedor do Sevilla não para de sorrir.