Eles se deram bem na vida. E a gente aqui falando mal

Divulgação / Real Madrid CF
Divulgação / Real Madrid CF

É, é verdade. Sim, eu sei: é difícil entender


Pra começar: é difícil digerir que o Casemiro tá jogando a Champions League enquanto a gente tá aqui, falando mal dele.


Estava eu vendo o Real Madrid trucidar o Borussia Dortmund (jogo de ida das quartas de final), quando, de repente, o ex-tricolor pisa no Bernabéu pela maior competição de clubes do mundo. Aquele Casemiro, que conseguia me arrancar xingamentos até em jogos contra o XV de Piracicaba pelo Paulistão, estava vivendo o sonho de nove entre dez moleques descalços batendo bola na rua de suas casas.


O São Paulo tem essa incrível habilidade de nos fornecer situações incríveis, até quando os jogadores já deixaram o clube. Quer, por exemplo, algo mais impensável do que o Bruno Uvini, pela Seleção Brasileira (!), marcando o Messi? Ou o Willian José, o Canhão, também conseguindo chegar ao Real Madrid?


Até aqui no Brasil mesmo, ainda preciso dar um jeito de entender o que acontece com quem vem pro São Paulo, não joga absolutamente nada e chega em outro time pra arrebentar.  Não, é claro, que o Casemiro esteja um monstro na Espanha – mas pô, o cara tá no Real Madrid!


Todo jogador que sai do São Paulo, a gente agradece, e fica feliz quando ele acerta com um rival. Aí ele chega lá e joga muito. Pensem só em um meio-campo com o Arouca do Santos, o Jadson do Corinthians e o Cícero do Santos. Agora acordem com o nosso, com Wellington, Maicon e Ganso. É de chorar.

Montagem sobre fotos de Divulgação
Montagem sob fotos de Divulgação

Só pra exemplificar, Oscar no Chelsea, Lucas no PSG, Willian José no Real Madrid: o jogo dos sete erros (todos eles na última foto)

Voltando pra Europa, é bom ver que nossos garotos estão se dando bem. O Oscar direto é titular no Chelsea do Mourinho, e o Lucas, mesmo que não custe aqueles R$ 100 milhões, vai ganhando espaço no PSG. E o Willian José, claro, que chegou na Espanha sendo chamado de 'imitador' de Neymar. E não duvidem se, logo logo, o 'Canhão do Morumbi' estiver entrando no lugar do Benzema pela Champions. UPDATE: Foi só falar e... 'Sem Ronaldo, Willian José será relacionado para jogo do Real Madrid'. 


A lista de jogadores que perdemos (ou que só foram achados em outros clubes) é imensa. E o problema é com quem? Com eles mesmos, que não queriam jogar aqui, ou exatamente conosco?


A impressão que eu tenho é que até o Douglas vai dar certo quando sair do São Paulo,  e só aí vão perceber que o problema somos nós mesmos. E é por isso que os nossos 'craques' passam a ser dos outros. E sem ganharmos nada com isso (nem quando esses putos estavam aqui e principalmente quando destroem por algum outro time).


Aliás, não sei o que é mais absurdo: o Casemiro jogar a Champions, o Casemiro estar no Real Madrid, ou o Casemiro substituir o Cristiano Ronaldo – ou eu aqui escrevendo mal dele e tendo que acordar amanhã cedo pra ganhar a vida. No fim, gol dos pernas-de-pau contra a cornetagem.