Com mudanças significativas, PSG apresenta nova camisa

Divulgação/PSG
Divulgação/PSG

Sinto falta da Bande Hechter ao centro, mas as novas mangas vermelhas me agradaram


Como de costume, o Paris Saint-Germain lançou ao final de uma temporada o manto principal que será utilizado no próximo ano – e provavelmente estreará no próximo sábado (27), na final da Copa da França diante do Angers. E desta vez com mudanças mais significativas. A faixa central ficou bem mais fina (o que sempre me desagrada muito), e as mangas ganharam um tom de vinho pela primeira vez na história do clube.


Este diferencial é o que mais divide opiniões. Uns detestaram, outros gostaram. Particularmente, eu gostei. O vermelho é a nossa cor primordial (afinal, nossa primeira camisa era toda desta coloração) e vinha sendo cada vez mais esquecido nos últimos uniformes principais. Gosto da mistura com o azul, fazendo mais jus ao nosso apelido de Rouge et Bleu (Vermelho e Azul).


Divulgação/PSG
Divulgação/PSG

Nova camisa traz mudanças mais significativas


Não é exatamente a camisa que eu queria. Sempre sonho com o retorno da tradicional Bande Hechter, muito presente nas décadas de 1970 e 1990, mas a Nike não parece disposta a isso. De qualquer forma, à primeira vista achei o novo manto diferente e agradável, ao menos nas fotos promocionais.


E você, gostou da camisa? Fique livre para discordar ou concordar nos comentários. ;)