De renegado a artilheiro, Aboubakar é a melhor "contratação" do Porto na temporada

Getty Images
Getty Images

Com quatro gols marcados, Aboubakar é um dos artilheiros da Liga Portuguesa


Agosto de 2016. Fora dos planos do então técnico portista Nuno Espírito Santo, Aboubakar se transferia por empréstimo ao Besiktas. Uma saída tão traumática que o camaronês nunca escondeu da imprensa seu descontentamento com a situação, chegando a afirmar que não voltaria a jogar pelo Porto.


Era impossível imaginar que um ano depois o atacante faria parte do elenco portista, muito menos que seria o destaque do time azul e branco neste começo de temporada.


Curta o À moda do Porto no Facebook


Precisando fazer receita com venda de jogadores para não infligir o Fair Play Financeiro imposto pela UEFA, a expectativa era de que o clube da Invicta negociasse o jogador da seleção camaronesa, provavelmente com o próprio Besiktas, que tinha opção de compra ao término do empréstimo no valor de 10 milhões de euros.


A proposta nunca chegou ao Dragão. Os turcos se limitaram a uma oferta na casa dos 5 milhões de euros, prontamente recusada pela diretoria portista. Sem um comprador, Aboubakar subiu um degrau na hierarquia azul e branca, voltando, ao menos, a ser considerado como uma opção no elenco.


Getty Images
Getty Images

O camaronês anotou um hat-trick na vitória sobre o Moreirense, na última rodada


O avançado encarou a pré-temporada como a sua Copa do Mundo pessoal, mesmo tendo menos tempo de férias devido à Copa das Confederações. Marcou nove gols em 10 partidas (entre amistosos e jogos-treino), se tornando o artilheiro portista na preparação. Subia ali outro degrau.


Os 5 milhões de euros oferecidos pelo Besiktas se tornaram 18 milhões, dessa vez com uma proposta de outro clube turco, o Fenerbahçe, novamente recusada pelo Porto. Uma clara indicação de como o técnico Sérgio Conceição e o clube apostam no camaronês nesta temporada, o que ganha ainda mais importância com o fato do atacante estar em seu último ano de contrato. Aliás, o treinador tem participação direta na permanência, uma vez que soube trazê-lo para o seu lado.


A aposta, ao menos neste início da Liga, vem sendo correspondida. Aboubakar marcou quatro gols em três jogos, sendo um hat-trick diante do Moreirense, na última rodada, e é ao lado de Jonas, do Benfica, artilheiro da competição ate aqui.


Getty Images
Getty Images

Aboubakar anotou nove gols durante a pré-temporada portista


Segundo dados do site whoscored.com, o atacante é quem mais finalizou no campeonato, com uma média de seis remates por jogo. Também é quem mais acerta a baliza, com três chutes por partida em média. Quando esteve em campo, balançou as redes a cada 64 minutos, melhor aproveitamento do campeonato.


O camaronês caiu como uma luva no vertical esquema tático de Conceição. Apesar de ser um jogador forte fisicamente, não se limita a ser um camisa 9 fixo. Ele se movimenta, sai da área para buscar jogo e ajuda na marcação pressão quando os portistas estão sem a bola. "Casou" bem tanto com Soares quanto com Marega, que substituiu o lesionado brasileiro nos dois últimos jogos.


Em uma janela de transferências parada para os Dragões, que, exceto pelo goleiro reserva Vaná, não gastaram um centavo no mercado, Aboubakar é a melhor "contratação" que o Porto poderia fazer neste momento. Nada mal para quem era carta fora do baralho há um ano...