Lyon: incertezas ou prelúdio de uma nova ordem?

Neste sábado, o Lyon entrará em campo pela última rodada da Ligue 1, recebendo o Nice, 3º colocado na tabela do torneio. Uma colocação abaixo, o Lyon dificilmente ter o panorama alterado, mesmo em caso de derrota. O time lionês, sete pontos à frente do 5º colocado, deve terminar a Ligue 1 na 4ª colocação.


Na semana que se encerra o presidente Jean-Michel Aulas falou em coletiva de imprensa realizada em Lyon, na última terça-feira. O tom foi de balanço da temporada, com o dirigente mostrando-se enfático em alguns pontos.


Aulas confirmou mudanças no staff administrativo do clube, além de se posicionar sobre permanência ou não de jogadores.


Direção de futebol/treinador


Segundo o presidente, a dupla Bernard Lacombe (conselheiro)/Gérard Houllier (conselheiro externo) devem deixar seus postos, os quais correspondem à direção esportiva do clube. Vale ressaltar que ambos foram treinadores vitoriosos do Lyon na década passada.


Aulas afirmou que um ex-atleta pode se juntar à agremiação para responder pela direção esportiva. Na França, especulam-se os nomes de Juninho Pernambucano e Eric Abidal. Sobre Juninho em específico, Aulas disse que não entrou em contato com o ex-meia, mas parece não descartá-lo.


olweb.fr
olweb.fr

Aulas falando com a imprensa após a partida contra o Ajax pela Europa League


O presidente não se mostra descontente com o trabalho do treinador Bruno Génésio e, como afirmamos a dois posts atrás, vem expressando publicamente confiança no treinador. Aulas enfatizou o número de gols (74) que a equipe de Génésio anotou em 37 rodadas da Ligue 1 2016/2017.


O L’Équipe ressaltou que o time alcançou a marca de 74 gols em 38 rodadas da Ligue 1 2007/2008, ocasião em que os lioneses alcançaram o título nacional. Paralelamente, foram vistas manifestações de torcedores lioneses nos últimos dias pedindo a saída de Génésio.


Entretanto, em coletiva anterior ao jogo contra o Montpellier, Génésio havia afirmado que já conversava com Aulas sobre o futuro e que ambos já estavam “trabalhando para a próxima temporada”.


Os atletas


Sobre Alexandre Lacazette, Aulas deu a entender que o jogador tem se “saído bem” e que é um “cara de sorte”. As palavras sobre o camisa 10 lionês não foram e nem serão desmedidas, até porque no momento Lacazette é mais investimento do que jogador. O atacante deve sair, valendo ressaltar alguns pontos.


No início do semestre, Aulas disse que não via necessidade de se desfazer de atletas do plantel, mas confirmou que ofertas vultuosas seriam ouvidas, se comparadas às que o clube recebeu no passado por Benzema e Umtiti. Há rumores de ofertas por Lacazette desde o início do ano - de Arsenal a Atlético Madrid. O jogador está avaliado em 40 milhões de euros.


O presidente afirmou que, se alguém no plantel acredita que o clube “não é grande o suficiente”, a porta estará aberta para que este saia, mas também para que outro jogador buscando horizontes maiores possa entrar. Aulas disse claramente que “haverá dinheiro tanto para rescindir quanto para contratar”. E que “haverá recrutamento muito ambicioso para que o clube retorne ao top 10 europeu”.


Getty
Getty

O capitão Gonalons deve seguir no Lyon por mais uma temporada


A imprensa francesa repercutiu o “nariz torcido” do presidente para declarações recentes de Gonalons (mais) e Tolisso (menos). Após a eliminação da Europa League diante do Ajax, Gonalons afirmou que “faltou ambição ao clube”. Os jornalistas rememoraram o dito do capitão lionês, ressaltando que o vínculo do meio-campista não será estendido. Aulas foi direto ao responder à imprensa.


Disse em tom irônico que Gonalons foi quem “recusou um time ambicioso” em 2014, quando não aceitou oferta do Napoli (Itália), clube que tem disputado frequentemente a Champions League. O presidente disse que falou com o atleta após a declaração e que não há problemas. Com 28 anos, Gonalons detém vínculo contratual que expira em um ano. Tudo indica que o capitão está em fim de ciclo.


Já em relação a Tolisso, que declarou no início da semana que “gostaria de disputar a próxima Champions League”, Aulas minimizou, até porque o meio-campista de 22 anos tende a se tornar algo valioso. Porém, precisamos ressaltar que o Lyon disputará a próxima Europa League, mas não a próxima UCL.


Conversa de cartola?


A imprensa francesa desqualificou ditos de Aulas que afirmaram “superioridade” do Lyon em suposto detrimento do PSG, uma vez que o clube parisiense é preponderante na presente década. Não há como questionar os petrodólares, nem quatro títulos nacionais consecutivos.


Porém, a queda técnica do PSG revelada já no início da temporada 16/17, que desencadeou bom desempenho do Nice e título francês merecido do Monaco, com certeza fez com que Aulas vislumbrasse possibilidades para o time que gerencia.


Em interpretações realistas, Aulas obviamente não pretende se desfazer de “Coco” Tolisso, mas com certeza uma oferta vultuosa será ouvida. Outra interpretação faz com que relembremos a última janela de transferências, em janeiro. Aulas abriu a carteira para contratar Memphis Depay, atleta caro e proveniente da rica Premier League inglesa. À medida que jogadores sejam vendidos, outros com certeza serão adquiridos.


Getty
Getty

Aulas (segurando a flâmula) em solenidade oficializando parceria com o grupo chinês IDG, em dezembro de 2016


O Parc Olympique Lyonnais pode ser utilizado para eventos diferenciados, além de haver a pendência da compra do naming rights a ser concluída. Somado a isso, há o aporte financeiro de investidores chineses (IDG Group), que adquiriram 20% das ações do clube por 100 milhões de euros, em dezembro 2016. Aulas não blefaria sem uma carta na manga.


La balle de Lyou


-  Lyon x Nice jogam neste sábado, às 16h (horário de Brasília).

- Nos últimos dias, o atacante Hatem Ben Arfa (PSG) declarou publicamente, via redes sociais, sua identificação para com o Nice, clube pelo qual atuou até o fim da temporada 2015/2016. A torcida do clube andou entoando seu nome na última rodada da Ligue 1.


- Ben Arfa deu a entender que o Nice ajudou-lhe a recuperar prestígio. Recentemente, Jean-Michel Aulas afirmou que o Lyon tem portas abertas para o atacante de 30 anos, revelado pela agremiação lionesa. Durante esta semana, o presidente do Nice, Jean-Pierre Rivére, afirmou que o recado de sua torcida “foi assimilado”.


- Ostentando contrato que prevê dois anos de vínculo, Ben Arfa não deve prosseguir no PSG. O atacante, tido como “grande driblador”, realizou 32 partidas pelo time parisiense e anotou míseros 4 gols. No início da temporada, protagonizou nota que causou risos mundiais, quando o técnico Unai Emery disse ao jogador em treino algo como: “Pare com isso, você não é o Messi!”.


- Ben Arfa é pentacampeão francês, tendo vencido quatro Ligue 1 pelo Lyon e uma pelo Olympique Marselha. Teve atuações regulares na Inglaterra por Newcastle e Hull City. Apesar de ser querido pela torcida francesa, podemos descrevê-lo no bom português brasileiro como “eterna promessa”.


Coup d’oeil des rivaux


- Na última quarta-feira, o Monaco realizou seu jogo atrasado da rodada 31 da Ligue 1, contra o St. Étienne. Os monagescos venceram por 2x0 partida realizada no estádio Louis II do Principado, alcançando 97 pontos (sete a mais que o vice-líder PSG). A equipe do treinador Leonardo Jardim já é campeã francesa 2016/2017, com uma rodada de antecedência.


- Trata-se do oitavo título francês do Monaco, sendo que sua última conquista aconteceu na temporada 1999/2000. O Les Bad Gones parabeniza o clube monagesco, seus torcedores e simpatizantes incluindo-se os adeptos no Brasil.


- A ESPN Brasil exibirá Rennes x Monaco neste sábado 20/5, pela última rodada da Ligue 1, às 16h.


- Siga o blogueiro Alexandre Kazuo no Twitter @Immortal_Kazuo