Recordar é Viver: com o mercado parado, vamos lembrar de grandes momentos

Deve ser a falta de jogos. A dependência quase química que um torcedor do Liverpool tem de ver seu time jogar. Bem ou mal. Valendo ou não. Ganhando ou perdendo. E nem o amistoso dessa tarde curou isso. Pode ser também a inércia do Mercado Vermelho, mais parado que Saci de patinete (Obrigado, Alê Oliveira, mito/mostro).


Talvez por tudo isso, pela falta de ação, e pela minha aptidão boba para fazer listas sobre tudo, eu estava pensando ontem e decidi fazer uma lista dos 5 momentos mais emocionantes da temporada passada, no meu modo de entender:


5. O jogo dramático contra o Tottenham em Anfield. Um janeiro miserável que tinha levado todas as nossas chances de voos mais altos na temporada, porque perdemos trocentos jogos. Wijnaldum acha Mané num passe estupendo. O africano marca e nos desafoga. Como um louco, sozinho, Wij comemora no meio do campo sua assistência, num vídeo que viralizou e tocou os corações dos Reds fanáticos como eu.


4. Início do Campeonato. Vamos a Stamford Bridge e já ganhávamos um jogo duro do Chelsea na casa deles por 1x0. E Hendo acerta um petardo de longe na gaveta de Courtois. O capitão corre como um retardado para comemorar no meio de campo, xingando e gritando. Outra vez, os blues apanham em casa dos Reds. Além de nós, só o Palace venceu o campeão em Londres.


Getty Images
Getty Images

Festa Vermelha em Stamford Bridge!


3. Já sabíamos que as vacas tinham ido pro brejo. E a chance de UCL dependia de uma vitória num confronto direto contra o Arsenal em Anfield. Desfilamos maestria, e ganhamos por 3x1. Todos os gols foram especiais. Firmino fuzilou Cech na cara dele no primeiro. Mané gostou e fez o mesmo no segundo. E Wijnaldum, após aula de contragolpe envolvendo Lallana e Origi, matou o jogo. Sábado lindo. Vitória crucial. Sorriso bobo na cara vermelha.


2. O Stoke sempre me pareceu uma pedra no sapato. Principalmente depois do 6x1 na despedida de Gerrard. E estavam ganhando o jogo no Britannia por 1x0. Coutinho e Firmino saíram do banco para virar aquela partida e exorcizar um demônio. O mago empatou e 5 minutos depois Firmino acertou um chute inacreditável numa bola longa e virou. Foi para a torcida atrás do gol, jogou a camisa para cima e comemorou como nunca. Quase entro na televisão para dar um abraço nele!


Getty Images
Getty Images

Firmino, louco, exorcizando um velho demônio!


1. Não tem como negar. A atmosfera de Anfield pesava toneladas. Jogo chato, contra o Boro, última rodada. 0x0. Naquele momento, estávamos fora da UCL. Wijnaldum e Firmino tabelam para o holandês afundar a meta de Guzan e fazer 54 mil pessoas explodir em alegria e respirar aliviado. Sabíamos que nosso único adversário naquele dia era nós mesmos. E Gini tratou de enterrá-lo aos 46 do primeiro tempo. O Gigante havia despertado.


Getty Images
Getty Images

Anfield aliviado! #HomãoDaPorra


Ansioso para conhecer os momentos mais importantes de 2017/2018...


E vocês, reds? Concordam?


#YNWA #FaltouOGolDoManéContraOEverton #WeAreLiverpool