Liverpool: a um passo do paraíso europeu

Quem diria?


Estávamos com tanto medo do West Ham em Londres, com aquelas bolhas de sabão e aqueles grandões que sempre faziam gol de cabeça na gente, que a atropelada que se viu este domingo foi surpreendente. Temporada passada, perdemos as duas (um suntuoso 0x3 em Anfield, com Cou expulso) e na Copa da Inglaterra também (com gol no último minuto da prorrogação, de cabeça...). Esse ano empatamos em Anfield, por 2x2. Estavam se transformando numa asa negra...


E veio a redenção.


0x4. Um SHOWtinho mega inspirado. Um Sturridge participativo. Um time focado, como um todo. Coutinho queria provar pro mundo que sua cabeça (ainda) está em Anfield: 2 golaços e uma assistência genial, digna de Kaká nos velhos tempos, para o gol de abertura. E o West Ruim (há quanto tempo eu queria usar esse apelido e não podia!) sucumbiu aos feitiços do nosso mago.

“Quem mandou quebrar o vidro do meu carro?”. Stu, aceso como quase nunca se viu, fez um gol aos moldes do Dançarino Mortal de 2013/2014. Bola enfiada, Stuzão parece que está impedido, mas está só muito bem colocado mesmo. Drible rápido no goleiro e bola nas redes. A finalização foi diferente. Mas o assistente e o marcador foram os mesmos daquela pintura contra o Arsenal naquela temporada. Daniel ainda fez uma jogada de ponta esquerda e cruzou (hein?) para o gol de Origi, o 4 º nosso.


Tudo bem que os Hammers ainda não se acostumaram à nova casa. Mas tinham acabado de quebrar uma série grande dos Spurs, em que, talvez por se tratar de um clássico, transformaram o novo estádio em um Caldeirão. Contra nós, a sopa não ferveu.


E agora? Uma vitória simples contra o rebaixado Middlesborough em Anfield resulta em vaga na Champions. Mesmo que seja a Pré-Champions. Mas não importa. Estaremos na porta da balada mais quente do pedaço, esperando na fila nosso momento de entrar. Diferentemente do Arsenal e do United, que estarão em casa, vendo TV em pleno sábado a noite... E, em competições internacionais, confio demais no nosso taco. Ouvi que pode ser um adversário complicado. Mas Anfield falará mais alto. Tenho certeza disso.


Getty Images
Getty Images

Que cena maravilhosa!


Claro que cautela não faz mal a ninguém. Especialmente para o torcedor do Liverpool. Uma improvável vitória do também rebaixado Sunderland contra o Arsenal no Emirates nesse meio de semana, o jogo atrasado dos Gunners, já nos dá a vaga antecipada. E serei, sim, Sunderland desde criança, mesmo sabendo da tarefa ingrata que o time vermelho-e-branco tem pela frente. E não tenho vergonha de dizer: isso é medo de falharmos miseravelmente domingo que vem. Não seria nem a última nem a primeira vez que isso aconteceria.


Se jogarmos com a vibe de domingo, o foco, a determinação... A vaga já é nossa.


Só mais uma vitória, Poolzão. Só mais 3 pontos e depois não te encho mais o saco até Agosto.


Só mais um passo. Pro paraíso.


#YNWA

Domingo, 11:00h, dia de jogo de churrasco! Dia de chamar os amigos para torcer pelo Liverpool chegar na UCL e bater na cara do Real Modinha, do Barcelooser, do Bayern de Mentira... Acompanhe tudo na FanPage mais louca do Liverpool!!!