Liverpool: um ardiloso 'Frango de Vidro' pela frente

Temos histórias contra o time de Londres que tem um Pássaro de Cristal em seu símbolo. Não é considerado um grandão da cidade, repleta de grandes clubes e grandes histórias. Londres, aliás, é uma cidade absolutamente histórica. Talvez nosso maior desafio até o final da temporada: receberemos o Crystal Palace em Anfield, no domingo, 12h30, com transmissão de ESPN + e Watch ESPN.


Alguém aí se lembra contra quem foi a despedida de Gerrard em Anfield? Um impiedoso 1x3 no dia que o Capitão estava com as filhas no estádio e dando adeus. A última visita do Pássaro a Anfield também foi derrota, 1x2. Se perdemos para os visitantes nos últimos dois encontros, vencemos também como visitantes nas duas últimas partidas. Vitória com Firmino e Benteke (pênalti mandrake que o belga arrumou ano passado e converteu, no finzinho do jogo) e vitória nesta temporada, por 2x4, num jogo maluco em que Firmino, outra vez, lacrou o Caixão de Cristal. Nos últimos 15 jogos, 7 vitórias para o Palace e 6 para o Poolzão.


Mas o resultado mais doído foi um empate, o de 2014, quando disputávamos á tapa o título contra o City, e escorregamos num inacreditável 3x3 em Londres. Detalhe: vencíamos a maldita partida por 3x0 e em 10 minutos tomamos o empate e vimos a chance de taça escorrer pelos dedos. A imagem de Suárez chorando, após a peleja, ainda está viva em minha mente.


Getty Images
Getty Images

Suárez chorando contra o Palace: hora de exorcizar nossos demônios!


Velhos amigos estão do outro lado. Kelly, Sakho, Benteke. Todos loucos para mostrar algo a mais. Para provar para o time vermelho seus valores.


Para desarrumar a coisa de uma vez, metade de nossa defesa está no DM. Matip (nosso garoto de Pano-De-Prato), Klavan (nosso zagueiro com nome de remédio para azia) e Lucas (nosso meio volante-meio-zagueiro) estão mal das pernas, literalmente. Henderson ainda no estaleiro. E Lallana com poucas chances até de integrar o banco de reservas. Isso sem contar Mané, totalmente fora de combate.


Ganhar esse jogo é importantíssimo. Sei que falo isso desde a 1º rodada, mas esse seria um soco na mesa e prova de uma real candidatura á vaga na Champions. Três pontos fundamentais, que nos dariam moral e, de quebra, nos colocariam numa posição interessante para ver do sofá um Manchester United x Manchester City, jogo atrasado, daqui a uma semana, no Etihad.


Que Deus abençoe a boa fase de FirMITO e SHOWtinho. Vamos precisar mais do que nunca deles!


Getty Images
Getty Images

Vai, Safadão: nossa arma para quebrar o Pássaro de Cristal


Fim de semana de feriado promete ser sofrido. E, espero, com um final feliz no domingo. 


#Medo #VaiSafadão #3Pontos #NuncaTePediNada