O que será do imprevisível Liverpool contra o City?

Veja o cenário, amigo torcedor do Liverpool: é um jogo grande, contra um postulante a título; o adversário está cansado e abatido por uma desclassificação inesperada na Champions; nosso inimigo em questão é um freguês de longa data, o Manchester City; Nós ainda estamos tropeçando, claudicante, depois da crise de janeiro. Ou seja, tudo leva a crer em uma vitória retumbante e energizadora do nosso Poolzão!


É mesmo?


O Liverpool talvez seja o mais imprevisível dos clubes do planeta futebol. Quando você pensa que vamos ganhar, perdemos. Quando você pensa que tomaremos um chocolatão, ganhamos lindamente. É nossa sina. Por isso um palpite para o jogo contra o Manchester City no Etihad, amanhã às 13h30, com transmissão exclusiva da ESPN Brasil e do Watch ESPN, é só isso mesmo, puro palpite. Tudo que temos são informações...


Klopp disse essa semana em entrevista coletiva que vai se defender mais do que o normal. Talvez porque TODOS os atacantes do time estejam meia bomba: Firmino, sem treinar há 2 semanas, é dúvida; Origi também está sentindo alguma coisa; Stu, bem, é o Stu e está com o fio do cabelo inflamado; e Ings (lembram dele?), morto até o fim da temporada. Jurgen também falou da dificuldade de enfrentar o time de Guardiola, em que o duelo tático é tão importante quanto um pênalti.


Pep tem que mudar o chip do City, eliminado na Champions essa semana, de forma precoce, para um bom Monaco. Agora a força máxima do time azul claro está direcionada para a Premier.


Getty Images
Getty Images

Pega o papaléguas, Cara-Quadrada! Esse mercenariozinho traiu a pátria vermelha


Nossa última visita ao Etihad foi um atropelo - 1x4, show de Showtinho (#saudades) e FirMITO. Perdemos nos pênaltis a final da Copa da Liga Inglesa em Wembley, depois de um empate em 1x1. Daí vencemos eles em Anfield duas vezes (3x0 e 1x0 no último jogo de 2016, gol do Wijnaldum). Aliás, a boa fase do volante holandês, que cresce em jogos grandes (marcou contra o City, Chelsea e Arsenal), é um de nossos trunfos, já que nosso capitão Henderson é outro que está fora de combate. Sim, estou elogiando Wij. As coisas mudam...


A expressão é batida. Mas é um jogo de 6 pontos, mega importante para nossa pretensão de jogar a UCL ano que vem. E ele fica ainda mais crucial quando lembramos que na próxima rodada temos o rival azul da cidade dos Beatles em Anfield. Pegar todos os pontos possíveis nesses 2 jogos mantém nosso sonho vivo de jogar o maior torneio do planeta na temporada que vem.


E aí? Já tem palpite? Alguma certeza?


Eu tenho: amanhã, na hora do jogo, milhares de torcedores vermelhos estarão na frente da TV. Torcendo fervorosamente.


Por que isso só depende de nós...


#YNWA#yesweCAN #weareLiverpool