Atlético x Goiás: um bom jogo para apoiar Carlos Eduardo

Como sabem os que leem regularmente este Blog, penso no Campeonato Goiano como prioritariamente uma competição para ajudar a entender o que será nosso time para as competições nacionais.


Uma pena que, na partida deste domingo contra o Atlético, o Goiás não possa ter em campo o lateral Tony e o atacante Michael. 


Ambos serão certamente escalados para os 90 minutos finais do duelo contra o Fluminense pela Copa do Brasil, mas estão impedidos de atuar pelo Estadual.


Teremos, então, mais uma vez, Hélder atuando. O lateral tem sido um dos pontos frágeis da defesa esmeraldina, principalmente por sua deficiência na marcação. Foi por conta desse tipo de falha, por exemplo, que Marcos Júnior estava livre para receber a bola do gol do Fluminense, quarta-feira.


Rosiron Rodrigues / Goiás EC
Rosiron Rodrigues / Goiás EC

Carlos Eduardo tem explosão, mas não sabe o que fazer dela. Vaiá-lo não vai ajudar a melhorar isso


O outro que começa o jogo hoje, mas não estará no Maracanã é Carlos Eduardo. Sobre este quero falar um pouco mais.


A torcida tem marcado o jogador, não sem razão. Carlos é, para mim, a realização de fato do efeito Pirelli: potência não é nada sem controle. 


Não tenho qualquer dúvida de que ele não faria o gol contra o Fluminense no lance em que Diego Cavalieri fez a falta que lhe custou a expulsão. 


Digo isso porque a explosão, sua grande qualidade, não é seguida de precisão. O fundamento da finalização é sofrível no atacante esmeraldino, o que significa que o trabalho de base feito com ele não foi a contento.


De toda maneira, não faz sentido vaiar um jovem jogador formado em casa como ele: não vai ajudar em nada a melhorar seu desempenho.


Sugestão para a partida de hoje: ajudem Carlos Eduardo a render o máximo que puder. Gritem seu nome quando ele errar (e vai errar) algum passe ou chute ou simplesmente perder a bola para si mesmo. 


O que não tem remédio remediado está. Carlos será titular neste e em vários outros jogos do Goiás, é nosso jogador e precisa se sentir acolhido, ainda mais com a pouca idade que tem.


Se tiver apoio, vai poder se equilibrar psicologicamente durante a partida e render mais do que o de costume.


Façamos a experiência.


LINCOLNEANAS

* * * * * As duas vitórias sobre o Atlético na 1ª fase nada significam para o jogo deste domingo. É preciso senso de organização e determinação para ganhar novamente.


* * * * * Tiago Luís e Léo Gamalho de volta elevam o poderio ofensivo do Goiás em 200%. Mas é preciso que os companheiros ajudem ou, pelo menos, não atrapalhem.


* * * * * Ingressos para hoje: 40 reais (arquibancada) e 60 reais (cadeiras). A meia entrada pode ser obtida com a compra da Timemania dos dois clubes.