5 motivos para acreditar no Cruzeiro campeão da Copa do Brasil

Washington Alves/Light Press/Cruzeiro
Washington Alves/Light Press/Cruzeiro


Nação Azul, enfim chegou a hora! Após inúmeras batalhas, o Cruzeiro chegou à final da Copa do Brasil contra o Flamengo. Uma verdadeira #FinalDeTimeGrande!


Como vocês gostam de listas, preparei uma que desejamos ver durante todo o ano. Motivos para acreditar no título do Cruzeiro!


1 - Campanha


Construímos verdadeiras páginas heroicas que podem ser imortalizadas com o título da Copa do Brasil. Uma campanha de campeão, que começou com um chato Volta Redonda, passou pelo fácil Murici, mas quase parou em grandes clubes da Série A.


O primeiro deles foi a Chapecoense. Um chute despretensioso de Raniel nos primeiros minutos do confronto não aparentava nada muito grandioso. Entretanto, foi mais do que decisivo e levou o Cruzeiro adiante e definiu o confronto.


Contra o São Paulo, em um dos maiores clássicos do Brasil, uma vitória homérica fora de casa e um jogo pra lá de emocionante no Mineirão.


O Palmeiras não reservou nada muito diferente dos adversários anteriores. Um primeiro tempo inesperado das duas equipes. O Cruzeiro cruel e o Palmeiras apático. Após o intervalo, "o jogo virou", mas terminou empatado, reservando MUITA emoção para o confronto de volta. Abençoada seja a testa de Diogo Barbosa.


Grêmio? O melhor time do Brasil venceu sem levar gols em suas dependências. Desacreditado todos estavam, menos o time celeste e a sua torcida. Um show dentro e fora de campo não foi o suficiente e levou a partida para as penalidades. Bendito seja Fábio e sua defesa no pênalti de Luan.


O destino nos reservou Chapecoense, São Paulo, Palmeiras, Grêmio e agora o Flamengo. Uma campanha digna de campeão?


2 - Fábio


Injustiçado por grande parte da torcida, que culpa o jogador por algumas partidas de mata-mata (Paulista e Estudiantes, principalmente), Fábio já tem o seu nome eternizado na história do Cruzeiro Esporte Clube.


O número de jogos se junta aos títulos brasileiros e as milagrosas defesas colecionadas durante os últimos anos.


Na campanha da Copa do Brasil, Fábio é um dos principais jogadores - após as partidas contra o Grêmio, isso ficou bem claro. Defesas importantes nas duas partidas e brilhante nos pênaltis. É a chance do goleiro se provar, mesmo que seja desnecessário, para uma parte da torcida que não aceita a sua importância em nossa história.


3 - Thiago Neves


Sim! O craque chegou com bons números, entretanto, foi um dos vaiados quando a coisa apertou na Toca da Raposa.


Muitos julgavam o jogador um investimento muito alto, contudo, Thiago mostrou e vem mostrando dentro de campo que não é bem assim.


O principal jogador do Cruzeiro na temporada vem chamando a responsabilidade e isso é visível nos vídeos de bastidores.


A "lei do ex" não vai falhar.


4 - "Cheirinho"


Como sempre, grande parte da imprensa já caiu na onda do 'cheirinho'.


O Flamengo possui uma excelente equipe, entretanto, é colocado como o favorito do confronto pelos especialistas.


Bom para o Cruzeiro, que, como um bom mineiro, seguirá comendo pelas beiradas.


5 - A História de Raniel


Eu sei que nada disso entra em campo, porém, o futebol nos reserva lindas histórias com muitos finais felizes.


É a vez de Raniel.


Se existe alguém que merece esse título, este é o garoto que virou xodó da torcida.


Após entrar contra o Grêmio, incendiar o jogo e ter papel fundamental na classificação, Raniel começou a escrever o fim de uma de suas primeiras histórias no futebol.


Abandonado pela mãe, o jogador encontrou no esporte o caminho do bem. Caminho esse que acabou derrapando em algumas curvas. O mais importante é que conseguiu dar a volta por cima.


Não vou contar a história dele aqui, essa vocês já conhecem. Ou ao menos deveriam. Raniel é só mais um garoto pobre que encontrou no futebol uma chance na vida, uma chance de final feliz. O primeiro deles será contra o Flamengo. Podem me cobrar.