Cássio vive seu melhor momento e merece chance na seleção brasileira

Gazeta Press
Gazeta Press

Esse homem tem tudo para se tornar uma lenda do Corinthians


Antes de focar no maior personagem de nosso texto de hoje, saibam que o Corinthians de Fábio Carille se especializou em desamparar e tirar uma onda com os secadores de plantão. Quando os mesmos pensam que o Timão pode sofrer um tropeço, quando um pênalti mal marcado é assinalado pelo árbitro, NADA tira a vitória e seus três pontos das mãos do líder. Muito bem esquematizado e com uma vontade que só o corintiano percebe, essa equipe está deixando o torcedor empolgado, feliz e orgulhoso.


Jadson, Romero, Rodriguinho e Jô... Tantos nomes eu poderia citar para credenciar os méritos da vitória alvinegra contra a Macaca, mas nenhum deles merece mais felicitações e agradecimentos do que o nosso gigante Cássio. Um dia criticado por nunca defender penalidades, nosso arqueiro resolveu trancar o cadeado e não deixar mais nada passar por nossa meta. Seja contra o tão perigoso Grêmio, ou contra a própria Ponte Preta em nossa Arena, Cássião se agiganta diante da marca da cal e garante, como se precisasse provar algo mais para nós, que é o maior goleiro de nossa história. 


Não feliz pela defesa do pênalti de Lucca, Cássio resolveu fazer milagre cara a cara com nada menos que Emerson Sheik, um dos caras mais frios de frente ao gol. Quem disse que na Arena Corinthians existe lei do ex? Nós temos o maior goleiro em atualidade no Brasil, que merece de longe uma convocação de seu mentor Tite. Em forma e focado, Cássio se tornou peça-chave e importantíssima para essa campanha absurda: 26 jogos sem derrotas, líder absoluto do Campeonato Brasileiro. É pouco ou quer mais?


Ainda é muito cedo para cantar vantagem (lembrem-se sempre do cheirinho flamenguista) e dizer que somos os tais. Nada está ganho, essa é apenas uma façanha da 'quarta força' paulista, que resolveu questionar os tão sabidos que subestimaram sua qualidade. Quarta-feira tem mais, e quem disse que somos favoritos? Pianinho, numa boa, vamos jogando nossas partidas uma a uma. Sem contar vantagem, já temos 9 pontos na frente do segundo colocado, e eu lá vou mudar minha postura?


Deixa que digam, que pensem, que falem, o Coringão só me enche de felicidade. Obrigado ao Cássio, e vamos para a próxima batalha!


Siga a página no Facebook: Paixão Maloqueira