Diego Costa não pode se tornar o Felipe Melo do Chelsea

Ale Cabral/Agif/Gazeta Press
Ale Cabral/Agif/Gazeta Press

Situações de Felipe Melo/Cuca e Diego Costa/Conte são bem parecidas


Felipe Melo dominou o noticiário esportivo nesta última segunda-feira (4). A polêmica já é conhecida por todos: discussão com treinador, ambiente tumultuado, áudio vazado, afastamento, possível briga judicial e, enfim, a reintegração do atleta junto do elenco principal, a fim de amenizar maiores consequências. Tal confusão soa familiar para você? 



Curta o Pride of London no Facebook



Dentro das devidas proporções, a situação em que o Palmeiras se encontra com Felipe Melo e Cuca se assemelha com o que acontece entre Chelsea, Diego Costa e Antonio Conte. Até mesmo as características dos envolvidos são similares, uma vez que possuem personalidade forte, têm o pavio curto e são polêmicos - cada um do seu jeito. 



No Palmeiras, a situação parece estar resolvida, mesmo que de forma polêmica. Nos Blues, por outro lado, o atrito ainda não chegou ao ápice, mas, diante das recentes notícias, está longe de ser resolvida pacificamente, o que desagrada principalmente o torcedor. 


Ainda que Diego Costa seja parecido com Felipe Melo em muitos quesitos, o volante brasileiro nem de longe possui a mesma identificação que o centroavante para com os Blues. Enquanto o 'pitbull' nem completou um ano de Palmeiras, Diego já escreveu seu nome no Chelsea com gols e títulos - e é exatamente pela trajetória vitoriosa do atacante, amado pelos torcedores, que o clube precisa encontrar a melhor solução para que Costa não saia pela porta dos fundos como se fosse um mero insignificante. 


Da mesma forma que o clube deveria buscar a solução mais tranquila a fim de evitar mais polêmicas, Diego Costa também deveria se portar com mais profissionalismo, apesar da péssima conduta de Antonio Conte com o tal do SMS. De qualquer maneira, o brasileiro ainda tem contrato com o clube e precisa mostrar mais respeito com a instituição.


Leia mais: O curioso caso de Diego Costa


Entretanto, o descaso é tanto que nem se reapresentou ao clube, que deseja processá-lo, segundo o Daily Express. É uma confusão enorme e desnecessária que só prejudica ainda mais o clube e, para piorar, causa divergência entre os torcedores - uns apoiam a postura do clube e treinador enquanto outros estão do lado de Diego Costa. Enfim, bagunça total. 


É preciso que as partes cheguem a um acordo o mais rápido possível para que o ambiente dentro do clube fique tranquilo e Diego Costa não seja pauta a todo momento, já que tanto os jogadores como Conte continuam respondendo perguntas sobre o jogador quando o foco deveria ser somente o clube. Então, já que Diego não faz mais parte dos planos, injustiçado ou não, esse assunto precisa ser encerrado. 


ESPN.com.br | Conte gargalha sobre Diego Costa dizer que é tratado como 'criminoso' e decreta: 'Está no passado'


Neste divórcio entre Chelsea e Diego, resta torcer para que toda essa confusão não tenha capítulos mais desastrosos pela frente e ambos tentem conviver pacificamente pelo menos até janeiro. É início de temporada e tudo que o Chelsea precisa neste momento é focar nos principais objetivos de 2017/18. 


O torcedor só espera que este conflito acabe de uma vez e que toda essa baderna não chegue ao nível de Felipe Melo, Cuca e Palmeiras.