Dortmund: Philipp é muito mais que um bom substituto para Reus

Como era de se esperar, o Borussia Dortmund se reforçou para suprir a perda de Marco Reus, novamente lesionado. O escolhido foi Maximilian Philipp, meia-atacante alemão de 23 anos que estava no Freiburg. Maxi assina por cinco temporadas e foi uma boa escolha para cobrir a ausência de Reus, no entanto sua chegada é boa e vai além do buraco deixado pela lesão do camisa 11.


Não é à toa que o Borussia Dortmund vai desembolsar 20 milhões de euros para trazer Philipp - 15 milhões iniciais e outros 5 milhões em bônus por metas ao longo de sua estadia no clube. Versátil e consolidado na Bundesliga, é opção para todas as posições do ataque e, apesar de pouco conhecido do grande público, é um reforço fantástico.


Getty Images
Getty Images

Não se preocupem com o preço: Philipp é um bom reforço e vai ser muito útil


Contando apenas sua passagem pelo Freiburg, em quatro temporadas o jogador foi muito utilizado no ataque, tanto na referência quanto como segundo atacante. Chegou a jogar muito também pelos lados do campo, nas pontas direita e esquerda. Também atuou como armador.


Contratando Philipp, o Dortmund não traz apenas um substituto para Reus, que é uma simplificação desrespeitosa ao reforço. Se trata de uma revelação do segundo escalão, mas que, longe dos holofotes, mostrou ter condições de agarrar essa oportunidade e se tornar um membro valioso do elenco.

A princípio, é de se imaginar que dispute a vaga de Reus com Pulisic e Schürrle. Além disso, pela experiência atuando na posição, deve ser também o reserva imediato do atacante principal (Aubameyang ou o contratado para sucedê-lo).


Questiona-se o valor do atleta porque realmente não faz parte do primeiro escalão de desejos de um clube na janela de transferências, mas vale o investimento. Principalmente porque se trata de um talento nato; se o Dortmund recuasse por conta do alto valor e perdesse Maximilian Philipp para algum outro clube, grande parte da torcida acharia ruim. O Dortmund tem as finanças controladas o suficiente para saber onde investir seu dinheiro.


A rigor, o Dortmund contrata um jovem de 23 anos, com experiência de quase 100 partidas como profissional e titularidade nas Seleções Alemãs de base. Zorc acerta em cheio novamente, e até agora os quatro reforços do time parecem ser boas escolhas de acordo com as necessidades do elenco (até Toprak).



Curta a página do blog Muralha Amarela no Facebook


Siga @muralhaamarela e @wpaneque no Twitter