Nunca ouse duvidar de Lionel Messi

Em uma tarde vexaminosa, o Barcelona perdeu para si mesmo e viu o fraquíssimo La Coruña superá-lo poucos dias após a histórica remontada.

Ressaca? Desgaste? Desinteresse?

Nada justifica uma atuação tão vergonhosa. Mais um daqueles casos em que a equipe acha que vai ganhar de qualquer jeito, a qualquer momento. Pra piorar Lionel Messi teve uma partida das mais assustadoras de sua carreira. Por que quis jogar? Não entendo. Mas não vamos esquecer que Luis Suárez também foi muito mal (apesar do gol) e que, principalmente, os descansados André Gomes, Denis Suarez e Arda Turan, escalados como meio campistas para dar suporte ao ataque, foram tão mal quanto, senão piores. Esses, sim, devem ser negociados e jamais deveriam estar vestindo a camisa do Barça, ainda mais pelos descompensados valores investidos. Eles não rendem praticamente nada.

O time todo foi mal, Neymar e Rafinha fizeram falta, mas não dá para escutar por aí gente querendo questionar Lionel Messi.

Vamos esclarecer as coisas:

Há pouco mais de uma semana, Lionel Messi estava dando mais um show no Camp Nou, desta vez diante do Celta Vigo. Dois gols com arrancadas, duas assistencias e participação em todos os gols da goleada por 5 a 0 pelo Campeonato Espanhol. Saiu ovacionado de campo mais uma vez. Também não preciso ir muito longe para lembrar aos esquecidos o que o melhor do mundo tem feito nos últimos tempos. Para isso, vamos pegar 2017 jogo a jogo para não irmos tão longe:

05/01/2017: Athletic Bilbao 2 x 1 Barcelona - Copa do Rei - ida
Messi tem grande atuação e com gol de falta no final do jogo salva o Barça, que agora precisaria de apenas 1 a 0 para se classificar.

08/01/2017: Villarreal 1 x 1 Barcelona - Campeonato Espanhol
Messi foi o melhor do time, meteu bola na trave e no último minuto colocou uma bola de falta na gaveta, salvando o Barça da derrota.

11/01/2017: Barcelona 3 x 1 Bilbao - Copa do Rei - Volta
Na partida de volta da Copa do Rei, Messi foi o melhor em campo ao lado de Neymar e fez o gol decisivo mais uma vez de falta no fim do jogo que determinou a classificação e impedindo a prorrogação. Nesta partida, como já faz há muito tempo, Messi concedeu a uma cobrança de pênalti a Neymar.


Getty Images
Getty Images

Teve soco no ar para comemorar o gol da classificação contra o Bilbao


14/01/2017: Barcelona 5 x 0 Las Palmas - Campeonato Espanhol
Em ritmo de treino, o Barça goleou com um gol e bela atuação de Messi.

19/01/2017: Real Sociedad 0 x 1 Barcelona - ida
O Barça controla a partida, volta a vencer o Real Sociedad fora de casa depois de muito tempo, com gol de pênalti de Neymar (cedido mais uma vez por Messi). Messi foi um dos melhores em campo, sendo o termômetro da equipe azul grená.

22/01/2017: Eibar 0 x 4 Barcelona - Campeonato Espanhol
Após início complicado, Denis Suárez fez seu gol mais importante pelo Barça, abrindo o placar, e depois cada um do tridente marcou um. Mais uma bela atuação de Messi.

26/0172017: Barcelona 5 x 2 Real Sociedad - Copa do Rei - volta
Melhor em campo, Messi marca um de pênalti, dá duas assistências e participa dos 5 gols, jogando em alto nível.

29/01/2017: Betis 1 x 1 Barcelona - Campeonato Espanhol
O Barça joga mal, mas Messi é novamente decisivo ao colocar Suárez na cara do gol para empatar aos 44 do segundo tempo.

01/02/2017: Atlético de Madrid 1 x 2 Barcelona - Copa do Rei - ida
A maratona continua e Messi segue sendo decisivo. Contra o forte Atlético fora de casa, Messi faz um golaço em uma bomba de fora da área e sai como um dos melhores em campo nesta decisiva vitória.


Getty Images
Getty Images

Sempre decisivo contra o Atlético de Simeone


04/02/2017: Barcelona 3 x 0 Bilbao - Campeonato Espanhol
Com sinais evidentes de desgaste físico, o Barça vence por um placar alto, mas jogando mal. Assim mesmo, Messi marcou um gol de falta e foi substituído no início do segundo tempo.

07/02/2017: Barcelona 1 x 1 Atlético de Madrid - Copa do Rei - volta
Sem Neymar suspenso, Messi foi mais uma vez o nome deste dficílimo duelo. O argentino fez jogada genial se livrando de 3 zagueiros e chutando para Suárez aproveitar o rebote do goleiro, lembrando a jogada na final da Champions contra a Juventus. O melhor do mundo ainda cobrou uma falta impressionante da intermediária no travessão. Vaga na final garantida!

11/02/2017: Alavés 0 x 6 Barcelona - Campeonato Espanhol
Atropelamento contra um Alavés cheio de desfalques. Messi deixou mais um e participou de outros dois.

14/02/2017: PSG 4 x 0 Barcelona - Champions League - ida
A tragédia que todos já sabem. Apenas Neymar e Ter Stegen se salvaram em uma partida em que o time francês atropelou jogando muito contra um Barça com o sistema de jogo no 4-3-3 falido.

19/02/2017: Barcelona 2 x 1 Leganés - Campeonato Espanhol
Em mais uma dessas partidas em que o time mostra desinteresse, o Barça sofreu para vencer no último minuto. Adivinha quem decidiu? Messi fez os dois gols do jogo, o segundo de pênalti aos 44 do segundo tempo.


getty images
getty images

Gol decisivo com bomba de pênalti contra o Leganés


26/02/2017: Atlético de Madrid 1 x 2 Barcelona - Campeonato Espanhol
Em um jogo de gramado alto e seco e de muita raça, o Barcelona conseguiu uma vitória decisiva, vencendo mais uma vez fora de casa o time de Simeone. Messi fez o gol da vitória aos 41 do segundo tempo. Outra vez decidindo?

01/03/2017: Barcelona 6 x 1 Sporting Gijón
Messi abriu o placar e também deu assistencia nesta fácil goleada que se transformou em show.

04/03/2017: Barcelona 5 x 0 Celta Vigo
A já citada goledada em que Messi deu espetáculo e saiu ovacionado contra um adversário de grande nível, o mesmo que eliminou o Real Madrid da Copa do Rei.


Getty Images
Getty Images

Contra o Celta além dos gols teve passe para Neymar fazer de cobertura


Após esta partida veio a histórica remontada. Messi foi peça importante na partida em que Neymar saiu como protagonista absoluto. O argentino marcou o seu de pênalti e ainda fez um espetacular lançamento de 50 metros para Suárez sofrer a penalidade do quinto gol. Sempre lutando e chamando a bola naquela nova posição entre as linhas de volantes e zaga, já que Rafinha ficou aberto na direita neste novo esquema de jogo bem articulado por Luis Enrique.

Para quem não se lembra, Messi também deu lindo passe para Arda chutar e Marquinhos salvar em cima da linha, além de grandes passes para Suárez e Neymar desperdiçarem outras chances de frente pro gol. Não se pode esquecer também a qualidade da defesa do PSG, tanto que todos os gols tiveram que sair na raça, nenhum saiu de jogadas desenhadas como o Barça costuma fazer. Foram 4 de bola parada, um contra e um que ultrapassou por pouco a linha do gol. Quanto mais se avança nessas competições, mais qualidade se enfrentará, menos espaços irão se abrir, ainda mais contra o Barcelona, ainda mais contra Messi.

Diante do Deportivo La Coruña, deu até vergonha alheia, mas ainda bem que foi contra um time fraco e frágil. Só prova que Lionel Messi não está bem fisicamente, nem devia ter jogado. Ao analisar toda a lista de jogos de 2017, é visível a queda física do argentino. Ele tem diversos jogos com arrancadas e sangue no olho, mas, quando está desgastado, até a expressão muda. Às vezes Messi simplesmente se entrega quando se vê impotente. Este é outro ponto, o desgaste psicológico. Quem aguenta tantas e tantas batalhas em tão alto nível com tamanho responsabilidade e marcação adversária?


getty images
getty images

Respeita o melhor do planeta


Messi já irá completar 30 anos, são 10 anos de topo, de exigência máxima. Uma hora a cuca pifa. Mas o melhor do mundo já pifou antes, como qualquer ser humano, mas ele sempre deu a volta por cima, sempre soube se reinventar, no Barça e na seleção argentina.

Tenho que concordar que provavelmente Messi nunca mais arrancará com a velocidade de antes, mas a palavra decadência para um mito desde nível soa até como ofensa. Se Neymar está decidindo alguns jogos, é mérito do brasileiro, e não "sumiço" do argentino. Messi segue bem, mas nem sempre será nota 10.

O gênio precisa descansar, o gênio voltará a ser o que sempre foi, assombrando o mundo com sua arte. Messi segue sendo o maior de todos, Messi será o próximo Bola de Ouro. Não se esqueçam que ele é o artilheiro isolado da Champions com 11 gols (Lewandowsky tem 8) e também do Campeonato Espanhol (23 gols). 

Antes de criar teorias, é só olhar para o histórico. O cara é o melhor em campo e decisivo em 90% dos jogos em que atua.

Por favor, mais bom senso e mais respeito com o melhor do planeta.

Mais respeito com Lionel Messi.