Ruschel de volta: Rafael Lima traz o 'jeito Chape' ao América-MG

Segunda-feira, 7 de agosto de 2017.


Um dia histórico não só para Chapecoense, Barcelona, Alan Ruschel e o futebol. Pois o jogador em questão representa muito mais que isso. Significa muito para milhões de pessoas, pois a volta por cima que ele já deu, está dando e ainda vai dar é exemplo para todos nós.


Alan Ruschel carrega consigo uma história triste, mas escolheu não remoê-la e ficar paralisado pela realidade. Ao contrário, vai entrar em campo nesse amistoso único e estrear de novo na carreira, exatos 251 dias depois do fatídico episódio. Quem poderia imaginar que esse ato grandioso fosse possível em tão pouco tempo?


De alguma forma, o América Mineiro estará presente neste episódio singular. É bem provável que os jogadores estejam treinando na hora da partida em pleno Camp Nou, às 15h30, mas o nosso zagueiro Rafael Lima, ex-atleta da Chapecoense e companheiro de Alan Ruschel, já prestou sua homenagem ao seu irmão não só de futebol, mas de vida.



Não há dúvida alguma de que Rafael Lima traz ao América o jeito Chape de ser, resultado de cinco temporadas no clube.


Isso não significa ser decisivo só dentro de campo, com desarmes precisos, orientações importantes, bolas nas redes adversárias. Nosso capitão não o é apenas apenas por 90 minutos. Rafael Lima não tem carreira vencedora por acaso, é um processo longo e que ele mantém em construção.


Chamou-me muito a atenção uma entrevista dele em 14 de junho de 2017, o momento mais difícil do Coelhão na temporada. Após aquele empate sem gols suado contra o Oeste em Barueri, nosso zagueiro proferiu as seguintes palavras:



“Aconteceu o empate pela nossa atitude. Temos que ter uma atitude diferente. Estamos vestindo a camisa de um grande clube, um clube de tradição. Mas isso, com certeza, vai ser conversado”.



Na partida seguinte, contra o Santa Cruz, o América começou a arrancada que todos estão vendo agora. Claro que a subida de patamar do Coelhão não é obra apenas de Rafael Lima, mas de todos os jogadores, da comissão técnica e dos dirigentes.


Porém, tenho plena certeza de que Rafael Lima teve alguma participação junto aos companheiros nessa volta por cima do América na Série B. Alan Ruschel sacramentará a sua volta por cima ao pisar no gramado do Camp Nou nesta segunda-feira.


Este é o jeito Chape de ser.


Parabéns, Alan Ruschel! Parabéns, Rafael Lima! A vida certamente os espera para mais desafios. Que ambos continuem nesta caminhada exitosa!


Nós, americanos, estamos felizes demais por experimentar uma pitada desse sentimento tão vencedor.